“Jane, a motorista do Uber”: evangélica explica como usa corridas para falar de Deus de forma criativa

Publicado: março, 2018

O testemunho de Jane, motorista do Uber, é um símbolo de ousadia e simpatia na divulgação do Evangelho. Sua postura intrépida vem repercutindo mundo afora, a ponto de um renomado pastor considerá-la uma espécie de sucessora, guardadas as devidas proporções, do evangelista Billy Graham, falecido em fevereiro último.
Os usuários do aplicativo de mobilidade que fazem uma viagem com ela encontram, no banco de trás do carro, um exemplar da Bíblia. Sempre sorridente, Jane usa todas as oportunidades para falar do amor de Cristo e Sua mensagem.
Normalmente vou fazendo perguntas: ‘Como está sendo o seu dia? Onde você está indo? Está a caminho do trabalho?’ Quando contam o que fazem, minha primeira isca é dizer: ‘Nossa, isso é uma bênção. Você gosta de fazer o que faz?’”, disse Jane.
No funeral do veterano evangelista, o pastor Ed Stetzer – diretor de Evangelismo no Wheaton College – foi questionado por uma repórter sobre quem seria o próximo Billy Graham, e ele respondeu, sem pestanejar: “Jane, a motorista do Uber”.
Stetzer a conheceu quando solicitou uma viagem ao aplicativo e Jane atendeu a corrida. Impactado com a desenvoltura da motorista para falar sobre o Evangelho, ele decidiu compartilhar sua história em um artigo na Christianity Today.

“Muitas vezes, as pessoas também me perguntam: ‘Você gosta do seu trabalho?’ Eu digo: ‘Sim, Deus abriu essa porta para mim’. Isso me ajuda a ver onde a pessoa está. Algumas pessoas respondem: ‘Você é cristã?’ ou ‘Você vai à igreja?’ Então, a porta se abre”, contou Jane ao pastor, durante a corrida.
A partir das situações que vivenciou até hoje, Jane – que trabalha no setor imobiliário e dirige para o Uber como forma de ganhar um dinheiro extra – relata que, em geral, as pessoas estão abertas para ouvir o Evangelho.
“Muitas pessoas não sabem onde encontrar esperança. Quando eu estou dirigindo, vejo isso como uma oportunidade de plantar uma semente — às vezes, para trazê-las para Cristo. Às vezes, pode ser que eu guie as pessoas no processo de se entregar a Cristo, mas outras vezes, é apenas em dar um sorriso ou uma palavra de encorajamento”, resumiu.
“Se eles estão me pedindo conselhos, adoro Provérbios, então não é difícil para mim poder compartilhar um provérbio. Mas eu não tenho que jogar na cara, dizendo ‘isso é de Provérbios e blá, blá, blá’. Em vez disso, direi: ‘É muito importante estar com o amigo certo, porque o ferro afia o ferro’. Isso abre a porta e eles podem perguntar: ‘Onde você ouviu isso?’ ‘Isso está na Palavra de Deus e a Palavra de Deus é a verdade’, eu responderei”, explicou, ensinando sua estratégia de compartilhar a mensagem bíblica.
Jane, no entanto, ressalta que sempre busca direcionamento de Deus antes de sua jornada de trabalho e evangelismo: “Às vezes, temos a oportunidade de compartilhar o Evangelho. Às vezes, plantamos sementes. Todos os dias, pergunto ao Senhor antes de partir para me mostrar como Ele quer que eu compartilhe seu amor e luz”, finalizou.

Fonte: noticias.gospelmais.com.br


Comentários no Facebook

Fale Conosco

(41) 3332-1075 . (41) 99999-1075

Onde Estamos

Av .Presidente Kennedy
Portão - Curitiba - PR